Ritual para queima de carma

downloadEste é um ritual para queimar 80% de seu carma e aconselho que seja feito uma vez ao ano. Em uma lua minguante queime uma peça de roupa sua. Se houver relacionamentos mal terminados queime uma peça de roupa que usou com a pessoa.

Anúncios

Magia da beleza e proteção

imagesFortalecimento da aura, beleza física e proteção, ofereça as deusas da beleza e do amor.

Você vai precisar de:

  • 1 vela branca
  • 1 vela amarela
  • 1 vela vermelha
  • Essência frutal, floral ou perfume
  • Firmar as velas ungidas com a essência (de baixo pra cima) num prato branco
  • Colocar um pouco de água e 1 colher de mel no prato com as velas
  • Em volta acender 6 incensos de rosa ou jasmim

Fazer numa 6ª feira de Lua Cheia.

Você pode aproveitar e consagrar seus perfumes, maquiagens, enfim seus produtos de beleza. Para isso basta coloca-los próximo a magia, fechando um círculo.

No término da magia acender 1 vela branca em agradecimento.

Para depois da magia fazer um banho com 6 rosas brancas, 2 litros de água e 1 colher de café Glitter prata. Uma dica para o banho… Comprem Glitter daqueles tipo sombra que não é tão caro e não agride a pele.

Runas e os signos Nórdicos

Falando com as Runa (1)

Em falando com as Runas, apesar de sabermos que não existe um embasamento histórico para essa situação astrológica foi feita uma co-relação com os Deuses e os astros para cada signo.

Veja sua data de aniversário e confira qual é o seu signo Nórdico.

10458733_723243461062673_3836548459375875671_n

DESCRIÇÃO DOS SIGNOS:

BILSKIRNIR – (21/03 a 20/04) (Áries)

“O Relâmpago”, a morada de Thor.
Pessoa jovial, espirituosa, incansável, bastante comunicativa, de sentimentos rápidos e intensos, enfrenta tudo na vida e não conhece a palavra medo. Ama a independência, porém, com limites, principalmente, no que se refere à segurança afetiva.

THRYMHEIM – (21/04 a 20/05) (Touro)

“A Casa do Trovão”, Residência da Deusa Skadhi.
Pessoa que tende a ser fatalista, contudo é cautelosa e perseverante, voltada à busca do prazer, que envolve boa comida, boa roupa e bem-estar material e espiritual. Sua generosidade a leva a vastos rasgos de hospitalidade, é um dos melhores anfitriões do zodíaco e gosta de agradar os amigos

FOLKVANG – (21/05 a 20/06) (Gêmeos)

“O Campo dos Guerreiros”, Constituído por 9 castelos onde a Deusa Freya recebia a metade das almas dos guerreiros mortos em batalhas. Você é comunicativo, curioso, inteligente, rápido para se apaixonar, e diz tudo o que pensa. Possuem grande apego a família e uma mudança repentina de humor.

HIMMINBJORG – (21/06 a 21/07) (Câncer)

“O Salão Celeste”, a morada do Deus Heimdall. O “Deus Brilhante”, o guardião da ponte Bifrost. Você é introvertido, imaginativo e sonhador, refugia-se em sua casa sempre que pressente o perigo, pois precisa de proteção. Apesar da índole pacífica, é desconfiado e sujeito ao desânimo, sensível.

BREIABLIKK – (22/07 a 22/08) (Leão)

“A Vista Abrangente”, morada de Baldur, o Deus Luminoso Solar. Liderança, oriunda de sua impressionante personalidade, coragem e ambição garantem muito sucesso, pois, está mais atento aos seus méritos de que aos seus limites. Graças à influência do Sol, é transparente em seus pensamentos sendo avesso aos subterfúgios.

SOKKVABEKK – (23/08 a 22/09) (Virgem)

“O Rio do Tempo e dos Ventos”, local onde residia Saga, e que Odin visitava diariamente para beber do rio das memórias antigas. Prático, organizador, observador, introspectivo e crítico. Mesmo não sendo expansivo, mostra-se afetuoso. De temperamento tranquilo e laborioso. Alegre e bem humorado, dotado de muita força mental.

GLITNIR – (23/09 a 22/10) (Libra)

“O Salão do Esplendor” pertencia ao Deus Forseti. Dotado de poderosa aura magnética, consegue equilibrar suas paixões com a reflexão. Seu maior defeito é a indecisão. Se for sensível e emotivo consigo mesmo e com seus familiares, pouco se abala com o que acontece aos outros. Possui temperamento conciliador, buscando sempre harmonia e perfeição.

GLADSHEIM – (23/10 a 21/11) (Escorpião)

“O Lar Resplandecente”, onde ficava Valhalla. Indivíduo inteligente, criativo, persistente e que provoca certo mistério à seu respeito. É, também, arredio, desconfiado e rancoroso, no entanto, sua marca fundamental é a coragem, mesmo que desconheça o equilíbrio e a moderação.

YDALIR – (22/11 a 21/12) (Sagitário)

“O Vale dos Teixos”, que abrigava a cabana de Ullr, Deus arqueiro e caçador. Trata-se de um indivíduo sensível, intuitivo, animado, com muita vitalidade e dono de um organismo saudável e resistente. O perigo não o intimida, podendo expressar-se com sabedoria. A atividade esportiva garante seu equilíbrio físico e mental. Dificilmente se abate diante das adversidades da vida. Ninguém ganha o sagitariano em autenticidade, energia e otimismo.

LANDVIDI – (22/12 a 20/01) (Capricórnio)

“A Terra Branca” representava o reino de Vidar, filho silencioso de Odin. Introvertido metódico, prudente, possui amor à liberdade, independência, persistência e determinação. No campo afetivo é desconfiado, mas fiel, dedicando tempo e energia aos seus interesses profissionais, por isso, corre o risco de colocar o amor em segundo plano; Não deixa transparecer seus verdadeiros sentimentos, ocultando-os sob aparente calma.

VALASKJALF – (21/01 a 19/02) (Aquário)

“O Saguão Prateado”, morada de Vali, filho de Odin e vingador da morte de Baldur. Está voltado para o futuro e é muito dedicado às pessoas; costuma ser caprichoso, independente e cordial; geralmente, tem uma alma racional e ao mesmo tempo voltada para projetos extravagantes. O coração e o cérebro se comunicam perfeitamente na motivação dos seus atos.

NOATUN – (20/02 a 20/03) (Peixes)

“O Navio” pertencia a Njord, Deus dos Mares e pai de Frey e Freyja. Indivíduo emotivo, receptivo e inteligente. Diante das dificuldades costuma refugiar-se em seu mundo interno ou no misticismo. É compreensivo, possuindo espírito humanitário, sensibilidade mediúnica e inclinações artísticas.

Fontes:

Iniciação as Runas

Magnus Chase 

 

Olá Pessoal, eu sou a Lili (2)

06-01 Dia de Reis

downloadHoje é dia dos Magos Reis, aqueles que levaram presentes a Jesus quando nasceu. Hoje é dia de desmontar a árvore de Natal, e defumar nossa casa para receber esses três Reis em nosso lar.

Bem, se olharmos mais fundo, veremos que um novo ciclo se inicia hoje. Podemos receber três presentes importantes para nossa vida.  Defumem a casa com mirra e depois a iluminem com velas brancas pedindo proteção, quem tiver essência de mirra pode usar para ungir as velas. Quem tiver aquelas lanternas que dá para colocar vela dentro, é uma ótima pedida.

Peçam proteção, Luz, boa sorte e vida longa, e sejam gratos pelos presentes recebidos.

Blessed Be!

Pathy Morgana

Bolo do Reis

O bolo de Reis tem sempre um presente e uma fava. Acredita-se na lenda que quem tirar o presente (a moeda nesse caso) diz que terá um ano prospero e quem tira a fava é o próximo a fazer o bolo de Reis no ano seguinte. Segue a baixo nossa receita de BOLO DE REIS.

bolo-de-reis

Ingredientes

  • ¾ xícara (chá) de açúcar;
  • 1 xícara (chá) de manteiga;
  • 4 ovos;
  • 1 ½ xícaras (chá) de farinha de trigo;
  • 1 colher (sobremesa) de fermento em pó;
  • ½ xícara (chá) de vinho do porto;
  • 1 maçã verde;
  • ½ xícara (chá) de cereja;
  • ½ xícara (chá) de ameixa preta;
  • ½ xícara (chá) de uvas passas;
  • ½ xícara (chá) de nozes picadas;
  • ½ xícara (chá) de frutas cristalizadas.
  • 1 MOEDA (Lave-a bem antes de colocar no bolo)
  • 1 FAVA

PASSO A PASSO

  • Em um recipiente coloque as ameixas, as uvas passas, as nozes, as frutas cristalizadas, as cerejas picadas, a maçã e o vinho do porto. Reserve no vinho por aproximadamente 2 horas para umedecer as frutas. Em um recipiente coloque o açúcar e a manteiga. Misture. Adicione os ovos e mexa. Acrescente a farinha e bata com auxílio de uma colher até obter uma massa lisa. Agregue as frutas reservadas e o fermento em pó. Coloque em uma assadeira redonda, untada e polvilhada. Coloque uma moeda de um lado do bolo e a fava do outro lado. Leve ao forno pré-aquecido 180°C por 30 a 35 minutos. A seguir, retire do forno e regue com o glacê. Decore com frutas secas.
  • GLACÊ: Coloque o açúcar em um recipiente e adicione o leite aos poucos. Mexa até adquirir consistência desejada.
  • DICA: Se desejar, coloque gotas de limão no glacê.

Sirva o bolo com um café quentinho.

A simbologia, a lenda e a real história que envolvem o bolo-rei

Por detrás do bolo-rei está toda uma simbologia com 2000 anos de existência. De uma forma muito resumida, pode dizer-se que esta doce iguaria representa os presentes que os três Reis Magos deram ao Menino Jesus aquando do seu nascimento. Assim, a côdea simboliza o ouro; as frutas, cristalizadas e secas, representam a mirra; e o aroma do bolo assinala o incenso.

Ainda na base do imaginário, também a fava tem a sua “explicação”. Reza a lenda que, quando os Reis Magos viram a estrela que anunciava o nascimento de Jesus, disputaram entre si qual dos três teria a honra de ser o primeiro a brindar o Menino. Com vista a acabar com aquela discussão, um padeiro confeccionou um bolo escondendo no seu interior uma fava. O Rei Mago a quem calhasse a fatia de bolo contendo a fava seria o primeiro a entregar o presente. O dilema ficou solucionado, embora não se saiba se foi Gaspar, Baltazar ou Belchior o feliz contemplado.

Historicamente falando, a versão é bem diferente. Os romanos usavam as favas para a prática inserida nos banquetes das Saturnais, durante os quais se procedia à eleição do Rei da Festa, também designado Rei da Fava. Este costume terá tido origem num jogo de crianças muito frequente durante aquelas celebrações e que consistia em escolher entre si um rei, tirando-o à sorte com as favas.

Este inocente jogo acabou por ser adaptado pelos adultos, que passaram a fazer uso das favas para votar nas assembleias. Dado aquele jogo infantil ser característico do mês de Dezembro, a Igreja Católica decidiu relacioná-lo com a Natividade e, depois, também com a Epifania (os dias entre 25 de Dezembro e 6 de Janeiro). Esta última data acabou por ser designada pela Igreja como Dia de Reis, altura em que algumas famílias, nomeadamente em Espanha, procuram manter a tradição, não só comendo o bolo-rei como aproveitando a ocasião para distribuir os presentes pelas crianças.

Para além desta, havia uma outra tradição, da qual poucos terão conhecimento, que afirmava que os cristãos deveriam comer 12 bolos-reis, entre o Natal e os Reis, festa que muito cedo começou a ser celebrada na corte dos reis de França. O bolo- -rei terá, aliás, surgido neste país, no tempo de Luís XIV, para as festas do Ano Novo e do Dia de Reis. Com a Revolução Francesa, em 1789, a iguaria foi proibida, mas, como bom negócio que era, os pasteleiros continuaram a confeccioná-lo sob o nome de gâteau des san-cullottes.

Por cá, depois da proclamação da República, a proibição do bolo- -rei esteve também prestes a acontecer. No entanto, passado esse período negro, a história deste bolo tem sido um sucesso e todas as confeitarias e pastelarias se enchem de clientes para adquirir o rei das iguarias nesta quadra festiva.

http://www.dn.pt/arquivo/2005/interior/a-simbologia-a-lenda-e-a-real-historia-que-envolvem-o-bolorei-633068.html

Pernil da Prosperidade

12398666_10207098485254237_1214516207_o1 kilo de pernil picado – deixe marinar no sal e limão algumas horas antes do cozimento.

Em uma panela cozinhar no seu próprio caldo acrescentando água se for necessário. Após cozido acrescente pimentão picado, azeitonas, sementes de papoula, cebola e abençoe com o sal.