Oração a Santa Sara

coração cigano

Santa Sara minha protetora.

Cubra-me com seu manto celestial.

Afaste as negatividades que porventura estejam querendo me atingir.

Santa Sara, protetora dos ciganos, sempre que estivermos nas estradas do mundo, proteja-nos e ilumine nossas caminhadas.

Santa Sara, pelas forças das águas, pela força da Mãe-Natureza, esteja sempre ao nosso lado com seus mistérios.

Nós, filhos dos ventos, das estrelas, da lua cheia e do pai-sol, pedimos a sua proteção contra os inimigos.

Santa Sara, ilumine nossas vidas com seu poder celestial, para que tenhamos um presente e um futuro tão brilhantes, como são os brilhos dos cristais.

Santa Sara, ajude os necessitados; dê luz para os que vivem na escuridão, saúde para os que estão enfermos, arrependimento para os culpados e paz para os tranquilos.

Santa Sara, que o seu raio de paz, de saúde e de amor possa entrar em cada lar, neste momento.

Santa Sara, dê esperança de dias melhores para essa humanidade tão sofrida.

Santa Sara milagrosa, protetora do povo cigano, abençoe a todos nós, que somos filhos do mesmo Deus.

(Ana da Cigana Natasha)

Anúncios

Oração para obter força e energia (Santa Sara)

coração cigano

oracao-cigana-amor-rainha-cigana

Santa Sara, pelas forças das águas,
Santa, com seus mistérios,
possa estar sempre ao meu lado,
pela força da natureza.
Nós, filhos dos ventos,
das estrelas e da lua cheia,
pedimos à Senhora
que esteja sempre ao nosso lado;
pela figa, pela estrela de cinco pontas,
pelos cristais que hão de brilhar
sempre em nossa vida.
E que os inimigos nunca nos enxerguem,
como a noite escura, sem estrelas, sem luar.
A Tsara é descanso do dia-a-dia,

Tsara é nossa tenda.
Santa Sara me abençoe;
Santa Sara me acompanhe.
Santa Sara, ilumina minha Tsara,
para que a todos que batam a minha porta,
eu tenha sempre uma palavra de amor e de carinho.
Santa Sara, que eu nunca seja uma pessoa orgulhosa,
que eu sempre seja a mesma pessoa humilde.

Os 12 Mandamentos Ciganos

coração ciganoOs ciganos denominam-se como etnia, um povo, não enquadrando-se na categoria de religião.

Sendo a liberdade sua religião, eles costumam, por uma “política de boa vizinhança”, adaptar-se aos costumes dos locais onde vivem, assimilando, inclusive, suas religiões. O que faz com que cada cigano tenha a sua religião pessoal.

Encontraremos ciganos católicos, evangélicos, budistas e de demais segmentos, mas, há algo que permanece intacto e que é inerente à cultura cigana: eles seguem um código de conduta muito próprio, semelhante ao Decálogo Cristão, esse código é denominado por eles como ”Os 12 Mandamentos Ciganos”.

Trata-se de um código de ética e moral de extrema beleza e profundidade, mostrando a fé, o caráter desse povo maravilhoso, cujo teor merece ser conhecido e compartilhado com todos, sejam ciganos ou não.

Preparem-se para adentrar mais um pouco esse misterioso e incrível mundo que se apresenta e sintam essa energia maravilhosa que emana de tão belos ensinamentos!

1º  Amar a Deus acima de tudo e respeitar todos os Santos;

  2º  Respeitar a Semana Santa;

3º Respeitar todas as Religiões e credos que elevam o nome de Deus – Nosso Pai;

  4º Ajudar-se mutuamente;

  5º Amar e não desmerecer nenhuma criança;

  6º Respeitar os idosos e não desprezar a sua sabedoria;

  7º Não mostrar o corpo;

  8º Não se prostituir;

  9º Manter a fidelidade entre os casais;

10º Não se envergonhar de sua origem;

11º Não deixar de praticar o dom da adivinhação;

12º Não trair seu povo.

 Optchá!!!

Renata Demétrio

Gestual da Dança Cigana

coração cigano

download“Com a cabeça levantada demonstra o poder de sua raça, o bater dos pés na terra clama a força desse elemento para bailar, as mãos para o alto pedem licença para exaltar a natureza, com a força feminina entrega-se ao ritual da dança e banha de beleza e mistério o espetáculo cigano. O barulho das moedas e pedras também tocam música no ritmo do rodopiar da cigana, as palmas e ralhos envolvem e alimentam a força da cigana, que na sua oração saúda os presentes na comunhão do sagrado e da alegria.” de Sumaya Sarran.

“O ar, o fogo, a terra, a água, o éter (5º elemento para o povo cigano) e por fim, nós mesmos, como parte importante em toda essa energia!

A dança cigana é altamente contagiosa. A alegria, a exuberância das cores, os gestos que trazem o feminino à tona. A sensualidade e o prazer de se entregar a um ritmo que une coração, alma e misticismo.

O convite a bailar fica irresistível. Descobrimos que o corpo conhece os mistérios dessa linda dança antiga, que une médiuns aos amigos espirituais da linha cigana.

“A dança cigana é uma dança solta, da alma. Dizem os antigos, que os ciganos dançam para atingir o êxtase do fluido energético que os levam de encontro com a verdadeira essência da Deusa ou do Deus interior e superior.

Por isso, dificilmente, os ciganos fazem coreografias; dançam soltos e livres, colocando em cada movimento suas emoções.”

Autor desconhecido

O baralho Lenormand

coração cigano

sandysO baralho conhecido como “cigano” não foi criado por tal povo, trata-se do baralho Lenormand, que por usar uma linguagem simples, foi adotado pelo povo cigano.
Os baralhos Lenormand juntamente com as cartas de Tarô são as mais utilizadas no campo da cartomancia.
As cartas Lenormand foram criadas por Mademoiselle Marie-Anne Adelaide Lenormand, cartomante francesa de grande renome que também exercia, além de outras atividades adivinhatórias, a quiromancia, a clarividência, a leitura de cartas, leitura de folhas de chá, astrologia, etc.
Lenormand teve entre suas clientes Josefina de Beauharnais, esposa de Napoleão Bonaparte. Ela teria previsto a ascensão e queda do imperador Napoleão, os segredos da imperatriz Josefina e o destino de muitos notáveis de seu tempo.
Nasceu em Alençon, na Normandia (1772-1843). Perdeu seu pai quando tinha apenas um ano de idade e logo em seguida sua mãe, aos 5 anos. Depois disso foi enviada a um convento. Lá surgiram os primeiros relatos de sua clarividência.
Morou em Paris num período posterior a Revolução Francesa e lá consolidou sua fama de advinha.

Em 1807, Mlle. Lenormand leu nas mãos de Napoleão sua intenção de se divorciar de Josefina. Para afastá-la ele a mandou à prisão por 12 dias. Esse fato foi o verdadeiro lançamento de sua carreira e ela se tornou a cartomante mais popular de sua época.
Em 25 de junho de 1834, aos 74 anos de idade, foi enterrada em Paris, no cemitério Père Lachaise. Por motivos desconhecidos, os segredos do Tarô Lenormand desapareceram temporariamente com o falecimento de Mlle. Lenormand e cerca de 50 anos depois eles foram recuperados com a descoberta de alguns manuscritos deixados por Anne-Marie. A partir desses documentos, foram desenvolvidos dois baralhos, um deles conhecido como Baralho Lenormand e ilustrado com figuras da época e ainda hoje fabricado na França. O outro com figuras mais simples e atuais corresponde à versão utilizada pelos ciganos, propagadores deste baralho.

O Pequeno Lenormand 
O baralho da “Sibila de Alençon” foi inicialmente publicado em 1828 e tinha 52 cartas, as mesmas do baralho comum. Esse conjunto foi redesenhado e reduzido a 36 cartas por volta de 1840, provavelmente pela própria Mlle. Lenormand, solicitado pela casa de impressão Grimaud. Esse conjunto menor ficou conhecido como Pequeno Lenormand.
Como já acontecia com o baralho de Etteila são adicionadas gravuras diversas às cartas numeradas. Trata-se de um recurso que para a cartomancia popular, facilita a atribuição de significados práticos às cartas. Tal medida por um lado dá maior proximidade ao leitor, por outro, limita sua amplitude simbólica.
A popularidade do baralho Lenormand estimulou incontáveis cópias e imitações por toda a Europa e até hoje é redesenhado.

O Grande Lenormand 
O baralho mais antigo com o nome Lenormand é o “Sybille des Salons”, com 52 cartas, cada uma delas mostrando um personagem diferente.
A primeira edição de 1828 destinou-se a cartomancia, têm cartas do tipo “a conversa”, “a viagem”, “o casamento”; um estilo que lembra as atuais histórias em quadrinhos. Trata-se de um gênero bastante popular difundido na França, Inglaterra e Alemanha a partir de 1700.
“A Sibila” foi redesenhada pelo célebre ilustrador Grandville, Gérard Jean Ignace Isidore, e publicada com mesmo título por volta de 1840, pela impressora parisiense Grimaud.

http://www.tarotdoamor.com.br/baralho_cigano.asp

Esmeralda de La Luna

Algumas Curiosidades Sobre Os Ciganos

coração cigano

252A Buena Dicha: A Buena Dicha, ao pé da letra, significa “A boa sorte, as boas falas”.

Quando se diz que uma cigana vai ler ou fazer as “buenas dichas”, significa que ela vai ler a sorte nas linhas das mãos de alguém, ou no carteado.

Segundo o conceito cigano, principalmente de clãs como o dos Kalóns, os homens quedam-se fazendo serviços mais pesados, o artesanato e artefatos de cobre, enquanto as mulheres ciganas saem às ruas fazendo a buena dicha.

Aos homens também cabem oráculos, como a dominomancia (sorte através do dominó) e a dadomancia (oráculo que utiliza os dados). As mulheres, geralmente, predizem o futuro utilizando a cafeomancia, teomancia (leitura pelas borras de café e chá, respectivamente.), cartomancia, quiromancia, além de outras técnicas. A partir dos 12 anos é esperado que as ciganas sejam iniciadas nas mancias.

Transmissão dos Ensinamentos: Segundo as tradições ciganas, cabe à mãe ensinar sua filha primogênita tudo sobre os conceitos ciganos, bem como as mancias, assim como cabe ao pai ensinar seu filho primogênito.

Vestuário: Os ciganos são muito rigorosos em relação a algumas regras de conduta e vestuário.

As mulheres ciganas podem ostentar, orgulhosamente, o colo, que representa, de forma sagrada, a fertilidade, mas, jamais devem exibir a barriga e as pernas.

Os homens sempre vestindo calças, procuram, em sinal de respeito, encobrir suas pernas.

Ciganas casadas usam lenços amarrados sobre suas cabeças e, se viúvas, esses lenços são negros.

Os homens usam chapéus ou lenços, havendo, também os lenços amarrados à cintura, havendo diferenciais, também, em relação à cor e à posição do nó.

Divisão de serviços: As mulheres se encarregam de serviços como a cozinha, a limpeza da casa e, conforme dito, a buena dicha. Cabe ao homem os serviços pesados, como carregar móveis, cortar e carregar lenha, e demais serviços braçais.

Magia: Para os ciganos tudo é magia e o que é, aparentemente, um simples bailado é, para eles, um verdadeiro ritual, repleto de significados, indicados, principalmente, por alguns movimentos das mãos, por exemplo.

Respeito à Natureza e Animais: A Natureza é considerada sagrada, pelos ciganos, bem como os animais. Eles não toleram nenhum tipo de devastação, desrespeito e maus tratos.

Crianças e Idosos: As crianças e idosos também são considerados de extrema importância. Em uma refeição cabe à cigana, dona da casa, servir, primeiramente, os idosos e as crianças.

Rituais Ciganos: Os ciganos NÃO toleram derramamento de sangue em seus rituais. Seja sangue humano ou de animais. Tudo que é utilizado em rituais ciganos remete à vida, ao respeito e à natureza. Eles não sacrificam animais para a realização de seus rituais.

Religião: Os ciganos não possuem uma religião definida. Eles definem sua religião como a LIBERDADE.

Ser cigano não é pertencer a uma religião, é pertencer a uma etnia ou admirá-la, bem como à sua cultura. Os ciganos, desde os primórdios, por onde andam, assimilam a religião local, para uma convivência pacífica com seus habitantes.

Encontraremos ciganos católicos, hindus, muçulmanos, protestantes, etc., por aí.

Origem Cigana: Não há, também, a despeito do que se diz, um país que possa ser definido como “O País de origem dos ciganos”. Uma vez que muito pouco de sua história foi documentada, é impossível saber, ao certo, a que nação pertence os ciganos.

Na verdade, enfim, como diz o lema desse povo incrível: ”O Céu é meu teto, a Terra é minha pátria e a Liberdade é minha religião.”

Renata Demétrio

Tchayo – O tradicional Chá Cigano

coração ciganoSegue abaixo a receita do tradicional “Tchayo Cigano” (chá cigano).

A intenção é fazermos e darmos para o maior número de pessoas beberem, pois o preparo do chá na realidade é um ritual para lhe trazer paz, saúde, amor, prosperidade, bons fluídos, evolução e todas as coisas maravilhosas que a energia dos ciganos nos traz. Sendo assim, vamos compartilhar esta receita muito gostosa de fazer para que vocês possam fazer por conta própria também.

Lembre-se: a ideia não é fazer o chá para beber em casa normalmente. É fazer o chá para que o maior número de pessoas compartilhe isso com você, ou seja, uma reunião familiar, um ritual cigano no templo ou espaço místico de vocês, enfim… 1381250099222.jpg.opt567x368o0,0s567x368

 Tchayo Cigano

1 1/2 litro de água

3 paus de canela

4 cravos da índia

3 colheres de sopa de chá mate

Açúcar a gosto

1 limão picado em quatro

1 maçã picada em cubos pequenos sem casca

1 ameixa picada

7 gomos de uva rubi

7 morangos

7 damascos

1 figo picado

1 caqui picado

 Modo de preparo:

Coloque num recipiente a água, o mate, o cravo e a canela e deixe ferver.

Num outro recipiente coloque o limão cortado em 4 com casca.

Coe o chá fervido em cima e adoce a gosto.

Coloque todas as frutas picadas e retire os limões.

Deixe amornar.

Pra que ele funcione lhe trazendo prosperidade deve ser feito e servido para o maior número de pessoas, quanto mais se divide o chá mais prosperidade se atrai.

Sirva os copos e antes de todos tomarem vire as duas palmas das mãos para cima buscando as bênçãos, depois coloque a mão direita em cima da xícara e a esquerda por cima da mão direita, ai faça seus pedidos de prosperidade, ai pode se tomar o chá e comer as frutas.

É um chá muito saboroso!

Quanto às frutas cada uma tem um significado, então vc pode variar conforme seus pedidos. Procurar sempre colocar frutas de cores vermelhas e alaranjadas e não usar nada cítrico.

SIGNIFICADO DOS INGREDIENTES E FRUTAS

CRAVO e CANELA unidos: oferece abertura de caminhos e proteção

LIMÃO: corta as energias negativas

MAÇÃ: voltada ao lado espiritual, conhecimento e sabedoria. É a fruta de Santa Sarah Kali

AMEIXA: amor maternal e criatividade

UVA RUBI: poder da consciência, fertilidade

MORANGO: representa o coração, amor e felicidade

DAMASCO: vitalidade e afrodisíaco

FIGO: elevação espiritual, amor universal.

CAQUI: vitalidade e afrodisíaco.

OPÇÕES DE FRUTAS

PÊRA: imortalidade e boa saúde

ROMÃ: prosperidade, dinheiro e fartura

AMORA: intuição

MELANCIA: prosperidade e fertilidade

CEREJA: volúpia e amor

MELÃO: renascimento e força física

Retirado da Internet